quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Noite do cordel 2015

Terra de Francisco coelho
E de são Felix de Valóis
Teu o nome e um poema
Grande relíquia do Pará
Vou declamar-te em verso
Pra o mundo inteiro escutar.

As proezas do meu avô

Vô Bié e Ritinha sua mulher Velho honesto e trabalhador... Mas era ignorante igual seu  Lunga Zombava do curandeiro ao doutor Faz...